Postagens

Engole sapo

Imagem
Boa noite a todas(os). Depois de um longo tempo, volto hj ao blog.
Foi um período sabático, com altos e baixos.  Estava com saudades
do meu blog. Tem boa parte da minha vida aqui, em muitos textos
de minha autoria, em fotos, em músicas que amo, atores, cantores,
compositores e muitas coisas mais.

Li esse texto num grupo do Whatsapp e achei muito verdadeiro. 
Acho que passei por alguns momentos, nesse tempo fora do blog,
e lendo esse texto me identifiquei muito. Todas(os) nós passamos por
isso em alguns momentos da vida. Engolimos muito sapo, infelizmente.


“Engole o choro. Engole sapo. Cala a boca. Cala o peito. Mas o corpo fala, e como fala. Fala a ponta dos dedos batendo na mesa. Falam os pés inquietos na cama. Fala a dor de cabeça. Fala a gastrite, o refluxo, a ansiedade. Fala o nó na garganta atravessado. Fala a angústia, fala a ruga na testa. Fala a insônia, o sono demasiado. Você se cala, mas o falatório interno começa. As pessoas adoecem porque cultivam e guardam as coisas não digeridas …

Mais Chico

Imagem
Chico Buarque chega aos 72 anos, maravilhoso como sempre. 
E a novidade, segundo recentes notícias, é que ainda esse ano, 
ele lançará um novo disco.   Aguardamos ansiosamente. 
Estamos todos precisados de boa música. E sendo do Chico, é a glória. O néctar dos deuses.
O melhor dos mundos. :) <3

"Eu era o sol"

Imagem

O melhor dos mundos - Chico Buarque

Imagem

CARPE DIEM

Imagem
Não se trata de viver o dia.
Mas sim - viver feliz - 
o seu dia.
Menah Catelli

mamys e Yuri num pôr do sol

Tristeza

Imagem
Se eu disser pra você que hoje acordei triste, que foi difícil sair da cama, mesmo sabendo que o sol estava se exibindo lá fora e o céu convidava para a farra de viver, mesmo sabendo que havia muitas providências a tomar, acordei triste e tive preguiça de cumprir os rituais que faço sem nem prestar atenção no que estou sentindo, como tomar banho, colocar uma roupa, ir pro computador, sair pra compras e reuniões – se eu disser que foi assim, o que você me diz? Se eu lhe disser que hoje não foi um dia como os outros, que não encontrei energia nem pra sentir culpa pela minha letargia, que hoje levantei devagar e tarde e que não tive vontade de nada, você vai reagir como? Você vai dizer “te anima” e me recomendar um antidepressivo, ou vai dizer que tem gente vivendo coisas muito mais graves do que eu (mesmo desconhecendo a razão da minha tristeza), vai dizer pra eu colocar uma roupa leve, ouvir uma música revigorante e voltar a ser aquela que sempre fui, velha de guerra. Você vai fazer i…

OLHAR

Imagem
Portanto, meus queridos leitores, fiquem atentos! Olho no olho, é o que importa.